O medo de fracassar aflige muitas pessoas. As crianças e os jovens, os solteiros e os casados, os patrões e os empregados, as mulheres e os homens o vivenciam. Todos temos medo em falhar. Diante das impossibilidades e hostilidades, oposições e obstáculos é normal que tenhamos medo de fracassar. Temos receio de falhar com os nossos pais, falhar com o nosso cônjuge, falhar com o nosso chefe, falhar na carreira profissional. São diversos os nossos medos. Na vida cristã também há pessoas que tem medo de não conseguir? Por certo que sim. Na vida cristã isso também acontece. Muitos ficam desesperados por conta daquilo que não conseguem fazer. Às vezes é uma queda aqui, um deslize ali e uma falha acolá. E daí, perguntamos: será que conseguiremos cruzar a linha de chegada? Diante daquilo que temos vivenciado, ainda assim, será que conseguiremos? Bem, talvez você nunca tenha falado, mas diante de certas situações o seu medo de não conseguir ficou aflorado. Você nunca falou com ninguém, mas lá no fundo o medo estava latente em sua alma. Você avaliou a situação e chegou à seguinte conclusão: “sou impotente”, ou “sou franco demais”, ou ainda, “sou incapaz de conseguir”. A questão é: se a nossa confiança estiver firmada em nossa força, não conseguiremos mesmo, mas se estiver no Senhor, então seremos bem sucedidos. Sabe por quê? Porque temos de sua parte promessas maravilhosas. Veja: “Ele os manterá firmes até o fim, de modo que vocês serão irrepreensíveis no dia de nosso Senhor Jesus Cristo” (1Co 1.8). E mais: “Estou convencido de que aquele que começou boa obra em vocês, vai completá?la até o dia de Cristo Jesus” (Fp 1. 6). Note, portanto, que a sua confiança deve ser mantida no Senhor, assim como em sua promessa. Ele não falha. Lembre?se que aquele que nos chamou fará com que sejamos preservados e mantidos firmes até o fim. Outra coisa, se porventura você cometer algum deslize, saiba que “o SENHOR firma os passos do homem bom e no seu caminho se compraz; SE CAIR; não ficará prostrado, porque o SENHOR o segura pela mão” (Sl 34. 23, 24). A graça não fracassa; sempre alcança êxito, mesmo quando homens e mulheres não conseguem se manter erguidos. A graça nos mantém de pé. Quando caímos, nos ergue. A graça sempre triunfa, jamais é vencida. Deus fará com que você persevere até o fim. Ele manterá seus pés firmes, sua vida santificada e fará com que seja encontrado irrepreensível no dia de Cristo. Diante disso, ore assim: Deus bendito, eu preciso aprender a lidar com meus fracassos e a confiar que a tua graça em mim é a maravilhosa garantia de minha vitória final. Em nome de Jesus. Amém! Rev. Fabio Henrique de Jesus Caetano

Compartilhe usando: